.

Música de fundo



domingo, 7 de setembro de 2014

Agônico




Subjugado pela saudade,
busco sobriedade
nos espasmos de meus temores,
para fazer emergir, quiçá,
novos dizeres e novos amores.
Angustiado pela saudade,
reverencio a tristeza e a dor,
dispersos por um cortejo de inverdades,
que tomam de assalto os fragmentos desse amor,
e de uma paixão que em mim deixastes.
Acariciado pela saudade,
sou conduzido pelas expectativas da paz, encontrar
mas diz meu coração, que a paz para os que amam,
ecoa em sentimentos guardados,
nas entranhas de uma paixão 
que por ti, teimo em alimentar.



                       J. R. Messias