.

Música de fundo



terça-feira, 15 de abril de 2014

Batalha da Vida



Como um guerreiro na idade-média,
Sou eu assim,
Travando as minhas batalhas de espada na mão.
Umas ganhei,
Outras perdi,
Porém, não foram em vão.

Pessoas e lugares conquistei,
Em nome de ti.
Com o meu alado coração,
Até os meus dias terem fim.
Monto o cavalo da imaginação,
Lutando sempre por ti.

Nesta batalha da vida
Muitas vezes do cavalo caí,
Mas depressa o voltei a montar.
Não vou dar-me por vencida,
Não vou desistir de ti,
Nem vou parar de te amar.



Batalha da Vida, é uma poesia do livro: 
O Que O Meu Coração Diz
Autora: Cris Henriques,
Blog Pessoal: