SEGUIR SÓ






Aconselhas o caminho.
Dizes-me como fazer,
mil razões apontas:
proveitos imensos.
Sabedoria não falta-
contigo deverei seguir,
pela tua mão,
pelo teu conselho,
pela tua experiência,
competência,
mas, seguir em trela?
estou cansado!
Desiludido.
Muita irreverência,
pela muita advertência,
pelo muito saber -
normas de um tratado.

Não quero ir contigo,
o teu caminho seguir.
Quero ir só!
Com o meu sonho,
com o meu tédio,
a minha ignorância,
incompetência.
Solitário!
Com o meu querer,
o pouco saber,
irei aprender,
talvez, até sofrer.
Simplesmente eu:
a minha ilusão
impreparação,
sentimentos, amor,
mas quero ir só!


Hélder Gonçalves (Docarmo)
Janeiro 2011
 

Mensagens populares deste blogue

SP – Sindicato dos Pobres

Honradez

Do hábito biscoitos d'açúcar