.

Música de fundo



quinta-feira, 25 de julho de 2013

seu ROSTO sem rosto -Your FACE faceless




Vejo o ANJO, vejo DEUS...seu ROSTO sem rosto e assim

Nem sei bem se o vejo em mim

Ou em tudo isto disperso, aqui no espaço em que estou;

Mas não, não Os vejo, eu sou

Desta minha natureza , desta matéria em que vou.

Por isso os não posso ver com meus olhos tão pequenos.

É que eles não são daqui, sua forma nunca a vi...

Mas também o são, pois sinto,

Que ao não vê-los os pressinto,

Mas não visíveis por mim...

Eles não são, não existem

Como aqui estou, como eu sou:

EXISTEM, mesmo sem corpo, sem terem princípio ou fim!...



...Mas afinal de onde veio toda esta filosofia,

Contemplação ou Poesia,

Depois das contas na Caixa,

Aqui num Café da Baixa,

Bebendo uma bica fria?!



Sauda-vos.



O vosso: Robd.  






Amigos "pacientes."

Não sei o que me aconteceu hoje que tudo me sai de "rajada", sem retoques nem emendas como frutos bizarros e espontâneos da Mãe Natura.Aqui vai isto,acabadinho de fazer agora, e portanto sirvo-o ainda quente para que o sintam (tenho essa esperança) como eu o senti.quer tenham ou não blogue.

O meu blogue é a Vida, eu e a Natura.

Se isto é ser louco, então assumo esse estado de "graça"(?), porém, se de alguma coisa tenho a certeza é de que não sou(ainda)...louco. 



Coronel Roberto Durao
Colaborador 
imagem original google 

Visitem:
 https://plus.google.com/103483677963554323632/posts?hl=pt-BR&partnerid=gplp0